SEF aposta no reconhecimento facial para controlo de chegadas no aeroporto de Lisboa

Entrou em funcionamento uma nova área de controlo de chegadas do SEF no aeroporto de Lisboa, destinada essencialmente aos voos do Reino Unido, Estados Unidos, Canadá e Croácia.

Segundo o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), neste novo espaço do Aeroporto Humberto Delgado foram colocadas sete posições de controlo de passageiros, duas das quais e-gates para controlo automatizado de fronteira, que pretendem reduzir as filas de espera e assegurar “um mais rápido controlo” na chegada dos passageiros.

O SEF escolheu um voo proveniente do Reino Unido para assinalar a entrada em funcionamento destes equipamentos eletrónicos.

A diretora do SEF explicou aos jornalistas que a nova área vai permitir o processamento de 700 passageiros por hora e cerca de 30 voos por dia.

Estes sete equipamentos eletrónicos fazem parte dos 49 e-gates de nova geração que o SEF adquiriu e que vão entrar em funcionamento nas próximas semanas nos aeroportos de Faro e Madeira e que permite processar “de forma mais célere a leitura dos passaportes com dados biométricos”.

Para o Porto também está prevista a entrada em funcionamento deste sistema, mas ainda não há data.

noticia adaptada do site ecosapo

Facebooktwitterpinterestlinkedinmail