Médico chinês que alertou para coronavírus morreu

Li Wenliang, foi um dos médicos chineses que tentou alertar a comunidade médica por causa do novo vírus quando apareceram os primeiros casos de pneumonia atípica em Wuhan. O médico acabou por morrer no hospital onde estava internado, depois de contrair o coronavírus (2019-nCoV), segundo confirmou a própria unidade de saúde numa publicação na sua conta oficial na rede social chinesa Weibo. “O oftalmologista Li Wenliang (…) morreu às 2:58 de 7 de Fevereiro de 2020. Lamentamos profundamente”.

Esta quinta-feira ao início da tarde, vários meios de comunicação chineses avançaram que o médico tinha morrido. Notícia que foi depois desmentida pelo próprio hospital onde Wenliang estava internado, que garantia que o homem estava em estado crítico e que estavam a fazer todos os esforços para o salvar.  – Iriam utilizar uma máquina que bombeia e oxigena o sangue fora do corpo (ECMO) e que substitui o coração e o pulmão, quando estes deixam de funcionar. Foi nessa mesma conta da rede Weibo que o hospital veio depois confirmar a morte do oftalmologista de 34 anos.

noticia adaptada do publico 

Facebooktwitterpinterestlinkedinmail